Loja Online de Produtos Naturais, Orgânicos, Sustentáveis, Zero Waste e Cruelty-Free. | Portes Grátis a partir de 35€ para Portugal Continental e 50€ para Ilhas.

O Poder das Nossas Ervas Aromáticas

Escrito em 04 de julho de 2021

O Poder das Nossas Ervas Aromáticas
Sabiam que com um simples chá podemos alimentar o nosso corpo com imensas propriedades medicinais e terapêuticas, vindas diretamente da Natureza? Hoje, falamos sobre os incríveis poderes das nossas Ervas Aromáticas, e dos benefícios que têm para a nossa saúde.

 

As Ervas Aromáticas são plantas medicinais ricas em propriedades terapêuticas com enormes benefícios para a nossa saúde. Podem ser utilizadas de várias formas, como por exemplo, para fazer chás, ou usando simplesmente como condimento.
 

As nossas Ervas Aromáticas são naturais, 100% biológicas e produzidas em pequena escala, de forma sustentável, no Alentejo. 
 

Erva-Príncipe: Alivia cólicas menstruais, melhora o funcionamento do sistema digestivo e tem benefícios para a diabetes, colesterol e pressão arterial alta.

Perpétua Roxa: Conhecida como o “Chá de Amália”, é excelente para problemas relacionados com a afonia, tosse e garganta inflamada.

Hissopo: Facilita a expetoração, ajuda em estados de gripe e bronquites. Estimula a circulação sanguínea e ajuda em estados de síndrome pré-menstrual.

Lúcia-Lima: Ajuda a reduzir a ansiedade, facilita a digestão e é também bastante eficaz na diminuição de insónias, cólicas e flatulência.

Alfazema/Lavanda: Tem um efeito calmante, reduz insónias, irritabilidade, dores de cabeça e ajuda na depressão. Acalma a indigestão, cólicas, alivia gases e distensão abdominal.

Orégão: Não só promove um sistema cardiovascular saudável, como reduz cólicas menstruais, flatulência e é um excelente antibiótico natural. 

Tomilho: Com qualidades expetorantes, é um forte revigorante dos pulmões. Acalma a tosse, alivia estados de gripe e reduz a inflamação dos brônquios.

 

As nossas Ervas Aromáticas são 100% naturais e biológicas e podem encontrá-las aqui.

 

 

- Escrito por Teresa M.

 


×